Dinheiro-Como reconhecer e saber quando uma nota é falsa

Confira ótimas dicas de como saber se uma nota de dinheiro é falsa e evite assim prejuízos ao receber uma nota falsa.

Como todos sabemos a falsificação de notas é grande, pois basta ligar a tv para conferir as noticias, é comum alguma matéria ou reportagem falando e comentando sobre a falsificação de dinheiro, em específico notas de notas cinquenta reais.

As pessoas que criam(falsificam) dinheiro agem da seguinte forma, após fabricado e ter a nota falsificada em mãos elas passam essa nota para frente, geralmente realizando compras de menor valor para receber de troco notas verdadeiras, e deixar o comerciante com a nota falsificada e com o prejuízo. E seguindo as reportagens que eu assisti sobre o assunto, é muito comum os falsificadores repassarem essas cédulas falsificadas em eventos, devido a grande movimentação de pessoas e dinheiro.

Atualmente existe diversos meios de descobrir se um cédula de dinheiro é falsa ou não, existe até algumas invenções como canetas que uma vez usadas em notas falsas ficam de uma cor, e em notas verdadeiras de outra, assim como detectores com luzes e outras invenções do gênero.

Mas para você descobrir se uma nota é falsa ou não, você pode utilizar alguns meio caseiro, que é divulgado pelo próprio Banco Central:

Ao receber uma cédula de papel, confira sempre os principais elementos de segurança: marca d’água, registro coincidente, imagem latente e o alto relevo em algumas áreas da nota. Para a cédula de polímero (de 10 reais, em comemoração aos 500 anos do Brasil), verifique se o material de que é feita é realmente plástico. Compare a cédula com outra que seja comprovadamente legítima e veja se há diferença nos elementos e na textura da nota.

As notas falsas não serão trocadas pelo Banco Central, que apenas examina se o dinheiro suspeito é verdadeiro ou não. As notas também podem ser apresentadas para exame nos bancos comerciais. A falsificação é crime previsto no artigo 289 do Código Penal, com pena prevista de 3 a 12 anos de prisão. Quem tenta colocar uma cédula falsa em circulação depois de tomar conhecimento de sua falsidade pode ser condenado a uma pena de 6 meses a 2 anos de detenção. Fonte: Banco Central



Navegue:
7 Comentários

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *