Lobisomem você já viu

|

Um lenda mundialmente conhecida principalmente em cidades do interior, porém muitas pessoas afirmam já terem visto alguma vez lobisomem de verdade


Estava lendo uma história sobre lobisomem em uma cidade do interior do estado do Paraná, e que segundo relatos, várias pessoas já teriam visto o que chamaram de lobisomem.

Eu sempre ouço histórias de lobisomem, quando criança era comum ouvi essas histórias dos mais velhos, geralmente com a intenção de amedrontar e assustar nós(as crianças no caso).

E as histórias de lobisomem eram sempre as mesmas, principalmente e noites de lua cheia, pois como todos sabem, o lobisomem aparece nas noites de lua cheia, ou melhor, ele que é um homem, acaba se transformando em lobisomem, meio homem meio lobo, e ao amanhecer o dia ele volta a se tornar homem.

Diversos filmes já utilizaram como personagem principal o lobisomem, principalmente os filmes mais antigos, e até onde eu sei, para poder acabar com um lobisomem, devem ser usadas balas ou uma lança de prata, bem essa dica serve para você que um dia encontrar um lobisomem para poder se “defender”..rs

Homem Lobo Chinês é praticamente um lobisohomem

Ainda sobre o tema, quem quiser saber mais sobre o assunto, pode buscar matérias e reportagens a respeito de um homem chinês, conhecido como “homem lobo”, e o motivo desse apelido você já pode imaginar, pois este homem tem o corpo coberto por pêlos assim como um lobo.

Esse homem se sair a noite pelas ruas de uma cidade pequena, com toda certeza será confundido com um lobisohomem.

No entanto este chinês não é nenhum lobisohomem, na verdade ele tem uma doença conhecida como Síndrome de Werewolf.

Até mesmo vi algumas fotos desse homem chinês, e confesso aos senhores, que chegar realmente dar medo, devido a quantidade de pêlos que ele tem, para se ter uma idéia o Toni Ramos é praticamente um bebê se comparado a quantidade de pêlos que tem esse chinês.

E você amigo leitor, já ouviu muitas histórias sobre a lenda do lobisomem? Ou até mesmo já viu algum?



Navegue:
132 Comentários

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *