Monumentos do nosso Brasil – O cocozão de Ponta Grossa

No mundo existem inúmeros monumentos estranhos e até bizarros, e um deles é o “cocozão” que fica na cidade de Ponta Grossa, no interior do Paraná.

Para quem não conhece ou nunca ouviu falar, o “monumento” acima que custou uma quantia significativa aos cofres públicos, se encontra na cidade de Ponta Grossa-Pr, em uma rotatória na frente a entrada do campus da UEPG – Universidade Estadual de Ponta Grossa, o “artista” que desenvolveu essa obra diz que ela representa o pinheiro Araucária, uma árvore em extinção no Brasil.
cocozao_ponta_grossa_uepg.jpg

No entanto devido as características da obra, esse “monumento” foi batisado carinhosamente pela população de “cocozão”, segundo estudos esse seria o maior “coco” suspenso do mundo. Para quem ficou curioso e quer saber mais sobre essa grande obra pode participar da comunidade do orkut Cocozão de Ponta Grossa, com mais de 4200 mil membros.

Atualização
Infelizmente o monumento, que foi carinhosamente batizado pela população de “cocozão”, teve um triste fim, pois devido a um enxame de abelhas terem se instalado no topo da escultura, foi necessário chamar uma equipe para remover os insetos, porém durante esses trabalhos, o “cocozão” acabou pegando fogo, conforme as imagens abaixo, você poderá verificar os fatos!
cocozao queimando

Essa próxima imagem, dos bombeiros apagando o incêndio é cômica, até parece ser uma montagem, mas na verdade é a mais pura realidade do que aconteceu com esse monumento e com o dinheiro público, esta foto eu recebi por e-mail algum tempo atrás, por isso não tenho informações do fotografo para deixar os devidos créditos, por isso se você sabe quem tirou essa bela foto dos momentos finais do cocozão não deixe de informar para que possamos deixar os devidos crédito para o autor dela.
Atualização: Conforme comentários deixado pelo Guto Souza, a foto dos bombeiros apagando o incêndio é do fotógrafo Henry Milléo(fotógrafo da Gazeta do Povo).
cocozao queimando em ponta grossa

E você amigo leitor, que mora em Ponta Grossa e região, teve a oportunidade de conhecer de perto esse grande monumento que infelizmente foi destruído pelo fogo?

Ao vivo, ele era realmente o que todos comentavam a seu respeito? Ou tudo não passava de intriga da oposição e de pessoas que não sabem admirar o que é arte de verdade?



Navegue:
24 Comentários

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *