Viagra a pílula azul a solução para Impotência sexual! Quase 10 anos!

|

O Viagra revolucionou a vida sexual de milhares de homens em todo mundo, que antes da droga tinham dificuldades em satisfazer suas parceiras.


Em março de 2008 o Viagra mais conhecido como a pípula azul irá completar 10 anos de existência e muito sucesso.

Talvés o viagra não traga ou prometa a cura definitiva para quem sobre ou enfrenta problemas relacionados com a Impotência Sexual, mas com certeza trouxe uma vida melhor, mais ativa e alegre a homens principalmente mais idosos que fazem uso frequente do medicamento e o tornam dessa maneira tão famoso e popular.

Realmente a tecnologia cresce a cada dia, tanto no seotr de computadores como na medicina, agora eu pergunto: O que seria dos homens sem mulheres, internet e agora é claro do VIAGRA! :-)

História do Viagra:
A sildenafila foi sintetizada por um grupo de farmacêuticos que trabalhavam nas pesquisas do grupo Pfizer, nos Estados Unidos. Primeiramente foi estudada para o uso em hipertensão (alta pressão sanguínea) e angina (uma forma de doença cardiovascular isquêmica). As primeiras impressões sugeriram que a droga tinha um pequeno efeito sobre a angina, mas que podia induzir fortemente ereções penianas.[1] A Pfizer conseqüentemente decidiu comercializá-la como tratamento para a disfunção erétil, ao invés de tratamento para a angina. A droga foi patenteada em 1996, e aprovada para uso na disfunção erétil pela Food and Drug Administration (FDA) em 27 de Março de 1998, tornando-se a primeira pílula a ser aprovada nos Estados Unidos para o tratamento das disfunções eréteis, sendo oferecida para venda um ano depois.[2] Rapidamente ela se tornou um grande sucesso: as vendas anuais de Viagra no período de 1999–2001 excederam 1 bilhão de dólares.

Com o Viagra genérico o preço vai baixar

Quem tem acompanhado as notícias, deve ter ouvido que a patente do Viagra irá expirar em junho deste ano, ou seja sem a patente irá estar disponível no mercado o Viagra genérico, como todo produto genérico ele terá seu preço bem mais baixo que o produto patenteado.

O Viagra completou 10 anos em 2008, que também é conhecida popularmente como a pílula azul, ou “azulzinho”.

Segundo reportagens que assisti sobre a quebra de patente do Viagra, existe uma atenção especial para evitar a venda do Viagra genérico sem receita médica, uma vez que com os preços mais baixos por ser um produto genérico, existira um aumento do consumo.

O amigo leitor que acredita precisar da utilização do Viagra, o melhor a fazer é procurar um médico, urologista, de sua preferência pois ele poderá avaliar melhor o seu caso e recomendar a utilização ou não do Viagra, pois como todos sabemos a auto-medicação pode trazer graves danos a saúde!



Navegue:
5 Comentários

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *