Ponta Grossa e suas palavras e frases populares

|



Conheça algumas frases e gírias bem engraçadas muito utilizada pelas pessoas de Ponta Grossa e região.


Ponta Grossa no Paraná realmente é uma cidade única com várias características próprias, hoje eu recebi um email com algumas frases mais ditas e conhecidas pela população, o título do e-mail estava : “Os falares Pontagrossenses” , espero que você ria um poquinho assim como eu, e qualquer dúvida de “tradução” sinta-se a vontade em questionar! :-)

Segue conteúdo do e-mail:
-“loko de baum”
-“que paia”
-“Vc veio de carro? – Nao vim andandinho, passeandinho, olhandinho umas
vitrines”
-“se alguém te conta alguma coisa que vc desconfia, logo solta um:
“Ade… capaiz !?!”
– Ou as tias conversando: “Calcule, loca do céu…” no lugar de: “imagine!”
– Em Ponta Grossa, não se corta caminho, seatora!
-“tudo esgualepado”; “fiz uma gambiarra”; “um xunxo”; “que xaxo”
– “la vai borduada”
– Pontagrossense nato que se preza, jah disse “Teu cú burro!!!”
– ou jah pronunciou “capaiz home” ou a variação “capaizloco veio”
-“Ah, manzinha do fiinho!” – nem precisa explicar né?
– “gente do céu!!!!!!!!!!!!!!!!!!”
-“Tira o zóio ”
– Ou o “ORNAR”?! Quantas vezes ouvir do pedreiro: “Isso aqui naum tah
ORNANDO muito naum, dona!”
– Palavrões clássicos: lazarento, fiá da mãe, fiá da pulícia, caipóra,
animár véio, animár de teta (esta é demais!), jacú, rabudo, e por aí vai!
-“To q eh a capa da gaita
– “ando meio esgualepado”
-“… Crêênndios..!!!!!”
– “má q diabo esse tróço”
– “feche a cara, piah”
– “qq tah se abrindo?” (dando risada a toa)
– “é pacabá mesmo”
-“O tongo!!!!”
– “Dar com a mão” se referindo a fazer sinal para o onibus.
– E, no telefone, um simples “Quem” ao atender…
-“haa diabo”
– “Deusolivre”
-“vc toma chimarão??”
– “pra diante” de tal lugar
– ” virado no guede” (ate hoje nao entendi isso)
– ” Uuu Gaucho veio!”( só comprimtar assim qualquer tiozao que eles daoca
mao bem soridentes…)
-“ÁÁÁÁÁDE SERRRR!”
-“Sai azar!!!”
– “Nem seu nó cego! Qué briga vem ne mim!”
– Pontagrossense nunca fica na posição de cócoras, Pontagrossense fica de
cróque, ou acrocado!
– Falar “puiz óia, eu…” Quando quer falar alguma coisa
– “Já hoje ”
-“Piorrr que é memo” (ato de confirmar algo)
– Fuja loco, Sartei de banda, fala loco véio, que quera vc
– mas é loco de jaguara…
– Aquele lazarento dos inferno!
– “FULANO SÓ FICA SE METIDANDO”
– Fulano te qué” que significava “fulano está te chamando” qdo alguém vinha
nos chamar para dizer que alguém queria falar conosco;
– Mas que tar isso dae… pense num troço engraçado…
– “pare de atiça, pq depois vc carpe o gato” atiça=provoca carpe o gato=sair
fora
– “um abraço pro gaiteiro”: coisa ou assunto sem solução/despedida;
– “pra mais de metro”: coisa ou assunto muito longo;
– “mais firme que palanque em banhado”: coisa ou pessoa com pouca
resistência, sem forças. Também se diz de quem bebeu além da conta;
– “lá longe”: para explicar que determinado local não fica perto. Ex.: a
farmácia fica lá longe.
– “se finja de hóme e se pinche no meu peito (chamando o outro p/briga)”
– ” vo pa cidade pagar umas contas” (referindo-se ao centro comercial)rsrsrs
– ” que bom cecesse” (que fosse)
– “ala nego véio”
-“esse almoço ta arregado”
– “aquela biscatinha”
– “vc eh meu chegado”
– “ele ganho..mas axo q fizeram xunxo”
– “passe meio d fianco que cabe”
– “mais eh um disgranhento (desgraçado)
– “essa menina fica se fresquiando pro namorado dos otros”
– “quanto custa? dois pila?”
– “quedelê”? (onde ta)
– “o tempo ta meio brusco”
– Bando de craudinei/cadarços (se referindo aos maloqueiros)
– “mais eh um bocó”
– “voltimeia eu vo la”
-“tô cagando e andando…”
– bele= beleza
– falo= falou , é isso ai..
– “eta piá véio… ”
– vina = Salsicha. (deriva do termo alemão “vinewürst”, embutido)
– “qto que ta tirando no serviço?”
– FIRME CO ZUK??????

Claro, essas são frases e gírias da cidade de Ponta Grossa, no entanto, toda as cidades possuem as suas gírias, que para entender somente com a população local para “traduzir” o seu significado.




Navegue:
11 Comentários

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *