Receita com pimenta-Tempero baiano

|



É sempre importante alguns cuidados ao fazer uma refeição com comida baiana, principalmente se você não for um fã de comida apimentada.


Hoje lembrei de uma história engraçada que aconteceu com um primo meu quando foi fazer turismo na Bahia. Ah.. vale lembrar que a história realmente aconteceu com o meu primo e não comigo, e que eu não estou omitindo os fatos…rs :-)

Pois bem, esse meu primo foi fazer turismo e conhecer o estado da Bahia, e entre um ponto turístico e outro, um acarajé e outro, um buteco e outro, ele resolveu almoçar e foi então até um restaurante.

Sendo ele(meu primo) o atendente perguntou se ele gostaria de sua comida quente ou fria, meu primo mais que rapidamente respondeu: “claro que eu quero comida quente”.
Pimenta e o tempero baiano
Eu ficou meio sem entender, afinal nunca tinha ido em um restaurante onde o garçom pergunta a seus clientes se querem comida quente ou fria, ele então ficou aguardando seu prato, que após alguns minutos acabou chegando, bonito e apetitoso.

Porém foi a primeira “garfada” que ele sentiu algo ardente na comida, que na verdade era pimenta, a comida estava bem temperada e com um reforço extra no quesito tempero, foi ai que ele chamou o garçom e conseguiu entender qual era a diferença da comida quente ou fria servida naquele restaurante, a comida quente é mais bem temperada e com reforço extra na pimenta, pois todo o baiano gosta de uma comida assim com uma dose extra de pimenta.

Bem essa é a história do meu primo em seu passeio pela Bahia, agora se é verdade essa história da culinária baiana, somente um autentico baiano para responder, sendo assim fiquem a vontade para participar.




Navegue:
Um comentário

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *